Volkswagen T-Cross Sense além PCD vem para publico geral

Volkswagen T-Cross Sense está de volta e não é mais versão só para PCD

Disponível para todas as pessoas, não só para pessoas com deficiência, o T-Cross Sense está no mercado com um valor maior do que a versão antiga do PCD, com cerca de R$ 23 mil a mais. Entretanto, está com R$ 11 mil a menos que a versão 200 TSI.

Lembrando que, a mais ou menos, oito meses a Volkswagen suspendeu as vendas dessa versão do carro, até mesmo para quem era PCD, já que o T-Cross Sense era exclusivo para deficientes.

Veja Também

⇒ Camaro 2021 sempre com sua elegância

⇒ Confira alguns carros elétricos mais vendidos do mundo

Visto que o T-Cross Sense está sendo fabricado em uma demanda maior e é oferecido para todas as pessoas o custo de R$ 23 mil a mais, do que da última vez que foi comercializado, é justificado.

Além disso, as montadoras estão aumentando o valor, visto que estão abrindo o mercado para todos. Não só isso, o novo reajuste de preço também serve para contornar os gastos com a montagem dos SUVs, que teve um grande aumento no preço.

T-Cross Sense e seus novos apetrechos

Sendo assim, o T-Cross Sense está disponível para varejistas, com o motor em uma nova versão, de 1.0 TSI de cilindros, trazendo assim um máximo de 128 cavalos e, em média, 20,4 kgfm. Isso tudo está associado a um câmbio automático com seis marchas.

Nesta nova lista de apetrechos, a SUV vem agora com:

  • luzes de LED diurnas;
  • Um multifuncional volante;
  • Frenagem com assistência para emergência;
  • Seis airbags;
  • faróis de neblina com cornering light;
  • sistema isofix para colocar de cadeirinhas para criança;
  • rack de teto;
  • Assistência de partida em rampas;
  • Controle de estabilidade tração;
  • além de bloqueio eletrônico diferencial.

Ademais, a pintura da carroceria está disponível em três cores diferenciadas:

  • Preto ninja;
  • Prata sargas;
  • Branco puro.

T-Cross Sense retirou algumas das funções

Em comparação com a versão 200 TSI, vemos que algumas funções foram retiradas da nova edição, como por exemplo:

  • Sensores de estacionamento na traseira;
  • O sistema de multimídia de 10,1;
  • VW Play;
  • Sensor crepuscular;
  • Rodas de liga leve com aro 16;
  • Computador de bordo que vinha com piloto automático e display multifuncional Plus;
  • Indicador de controle de pressão dos pneus;
  • Sistema de frenagem automática pós colisão.

Valores

O novo valor de lançamento no mercado é de R$ 92.990. Como já vimos, o preço aumentou cerca de R$ 23 mil a mais do que quando ela foi comercializada apenas para pessoas com deficiência.

Entretanto, o valor está abaixo do que foi pedido para a versão 200 TSI que tem câmbio manual, que foi cerca de R$ 11.200 a menos, o valor é de R$ 104.190.

Ao passo que, o modelo com câmbio automático da 200 TSI, com o valor de R$ 112.790, tem R$ 19.800 a mais do que o T-Cross Sense.

RELACIONADOS

Deixe seu comentário

© 2021 - Revista De Automóvel