Como um carro pega fogo? Veja os 5 motivos que levam um veículo a isso

Como um carro pega fogo? Raramente há uma única causa para o incêndio de um carro, mesmo que um investigador possa rastrear até o incidente que provocou o incêndio.

É mais provável que tenha havido uma combinação de causas: causas humanas, mecânicas e químicas, e todas trabalharam juntas para criar uma situação incrivelmente perigosa.

Em outras palavras, uma vez que um veículo está pegando fogo, uma série de fatores adicionais podem (e irão) complicar as coisas.

Saber quais são esses fatores pode ajudar o proprietário de um carro a evitar uma situação perigosa, mas não há garantias.

Portanto, veja como um carro pega fogo, partindo dos seus principais motivos.

1. Como um carro pega fogo: Falhas de projeto

Nem todas as falhas de projeto resultam em incêndio, mas uma série de problemas pode tornar o incêndio muito mais provável.

Uma falha de projeto em um veículo geralmente não causa um incêndio no carro por si só, porque não há um botão liga/desliga para iluminar um veículo em chamas. As falhas de projeto, no entanto, podem tornar as condições realmente propícias para um incêndio.

Além disso, esse se trata hoje de uns fortes motivos que levam um carro a pegar fogo.

2. Como um carro pega fogo: Batidas de carro

A ameaça de incêndio pode não ser imediatamente aparente. No entanto, é sempre melhor afastar-se de um carro danificado o mais rápido possível.

Dependendo do local do impacto, um acidente de carro pode até provocar um incêndio. As zonas de deformação da maioria dos veículos são projetadas muito bem, de modo que a folha de metal absorve a força de um golpe e protege pontos internos perigosos como o motor, a bateria e até o tanque de gasolina.

Mas, na verdade, não há muita barreira ali, então um golpe forte o suficiente pode causar vazamentos de fluido e derramamento, bem como calor e fumaça. Um motivo de como um carro pega fogo.

3. Como um carro pega fogo: Falhas do sistema elétrico

As falhas do sistema elétrico ocupam o segundo lugar na lista porque são a segunda causa mais comum de incêndios em automóveis.

A bateria padrão de um carro típico é capaz de causar muitos problemas. Os ciclos de carga da bateria podem causar o acúmulo de gás hidrogênio explosivo no compartimento do motor, e a corrente elétrica fornecida pela bateria (junto com fiação defeituosa ou solta) pode produzir faíscas que podem inflamar rapidamente um gotejamento de fluido ou vazamento de vapores.

Veja Também

⇒ Novas exigências de segurança de transito

⇒ Hyundai HB20 Sport TGDI: ficha técnica completa

Os perigos do sistema elétrico também não se limitam à área sob o capô. A fiação elétrica percorre todo o carro; através de canais, em portas, sob o tapete e através de assentos elétricos e aquecidos. Apenas para citar alguns lugares onde um fio puído e despercebido poderia causar estragos.

4. Como um carro pega fogo: Manutenção deficiente

O erro humano provavelmente não será a causa direta de um incêndio em seu veículo, afinal, ser preguiçoso não é a mesma coisa que acender um fósforo e acender um pavio que vai para o tanque de gasolina.

Mas, se você for descuidado com a manutenção, seu carro será muito mais perigoso, em geral.

Além disso, o aumento da probabilidade de um incêndio no carro é apenas parte dos maiores riscos que você está assumindo.

É verdade que esquecer ou deixar de cuidar adequadamente do seu carro pode levar indiretamente a um incêndio violento.

Isso porque se você deixar peças quebradas, vedações com vazamento ou fiação defeituosa sem reparos, seu carro ficará muito mais hospitaleiro às condições que causam um incêndio.

5. Como um carro pega fogo: Vazamentos no sistema de combustível

Tubulações de combustível apodrecidas vazam gasolina ou óleo diesel em peças quentes do motor e vazamentos no sistema de combustível são a causa mais comum de incêndios em veículos.

Vazamentos no sistema de combustível são a causa mais comum de incêndios em veículos, por isso eles ocupam o primeiro lugar em nossa lista. Como já vimos, qualquer número de fatores complicadores pode causar um vazamento de combustível.

Contudo, eles são complicados porque vazamentos de combustível também podem surgir por conta própria e com muito pouco aviso.

Considerações finais

E a coisa mais importante a lembrar é que, não importa como um carro pega fogo, ele está pegando fogo.

Não se preocupe se o motor estava superaquecendo ou qual fluido você pode ter derramado (embora essa informação possa ser útil mais tarde, para fins de seguro ou para ajudar um fabricante de automóveis a consertar uma falha em potencial).

No momento, é fundamental que você saia rápido e fique o mais longe possível do carro.

Agora que você sabe como um carro pega fogo, não deixe de tomar cuidado.

SOBRE O AUTOR
Yasmin Vitoria
Sou amante de carros e motos desde sempre, hoje compartilho conhecimentos com todos vocês. Adoro escrever sobre diversas coisas, mais hoje faço parte da equipe do site revista de Automóvel. Aqui nosso intuito tentar levar os melhores artigos sobre carro, caminhão e motocicletas.
RELACIONADOS

Deixe seu comentário

© 2022 - Revista De Automóvel