O Jeep Compass foi um dos SUVS que não teve muito destaque no seu lançamento, mas que em compensação, teve um grande aumento nas suas vendas no 1 semestre de 2020, sendo um dos mais vendidos do país.

 

No entanto, para tirar todo esse glamour do SUV, algumas outras marcas estão com grandes lançamentos para esse ano, que prometem colocar pressão no Compass.

Mas, talvez você se pergunte: será que o Jeep Compass vai aguentar a pressão dos novos modelos? Porque ele se tornou tão procurado?

Portanto, nesse artigo, falaremos o que há tão de especial no Jeep Compass, e se ele deve tomar cuidado com os novos modelos do mercado.

  • O que há de especial no Jeep Compass?

A marca americana, ganhou bastante destaque com o seu SUV nos últimos tempos, sendo um dos representantes em peso para essa categoria.

Nesse sentido, o seu principal destaque começa debaixo do capô, onde são ofertadas 2 principais versões de motorização, podendo ser a 2.0 flex que rende até 166CV, ou a 2.0 multijet a diesel, que possui 170CV.

Lembrando que a opção 2.0 flex, para quem preferir, pode vim acompanhada de uma transmissão manual de 5 velocidades.

No entanto, para bater de frente com os seus novos concorrentes, a marca afirma que em 2021, o Jeep Compass irá passar por uma reestilização, onde virá com uma motorização 1.3, com torque bem maior.

Veja Também

⇒ Tiggo 5X 2021: novo visual e muitas novidades

⇒  Motivos para ter o seguro de carro

Ou seja, será um carro ainda mais ágil, principalmente, nos ambientes urbanos, possuindo um torque de 27,5kgfm, contra 20,6kgfm da versão atual.

Além disso, outro grande destaque do Jeep Compass, está no seu pacote tecnológico, que o deixa bastante querido no mercado atual, como:

  • ACC
  • Park Assist
  • Detector de ponto cego
  • Multimídia de 7 até 8,4 polegadas, com Apple Car Play e Android Auto
  • Abertura e fechamento elétrico da tampa do porta-malas
  • Banco do motorista com ajustes elétricos
  • Farol alto adaptativo
  • E dentre outros

Dessa forma, acaba sendo um carro de bastante requinte, e que consegue ter um bom destaque no mercado dos SUVS médios.

Outro grande destaque, está na parte interna, onde os seus excelentes 2,36m de entre-eixos, conseguem proporcionar um bom espaço interno.

Mas, nem tudo são flores, e para ter esse espaço, foi necessário sacrificar um pouco do porta-malas, que são apenas 388 litros.

  • Será que o Jeep Compass deve ter medo dos concorrentes?

 

Como já citamos, o Jeep Compass agora vai receber bastante pressão no mercado, devido aos lançamentos de diversos modelos.

Dessa forma, os principais concorrentes na categoria de SUVS médios para o Compass, são:

  • Chevrolet Tracker – R$ 70.000 a R$ 119.490
  • Ford Territory – R$ 165.990 a R$ 187.900
  • Volkswagen Tarek – lançamento previsto para o primeiro semestre de 2021
  • Volkswagen Nivus – R$ 85.890 a R$ 98.290

Ou seja, são carros que vem acompanhados por um conjunto tecnológico, e uma boa motorização, o que pode botar calor no mercado.

No entanto, a marca afirma que está se preparando para os concorrentes, tendo uma previsão de reestilização em 2021, trazendo um novo visual, motorização e tecnologias.

Portanto, o Jeep Compass tem tudo para continuar com muito destaque no mercado, mas vai precisar ter bastante cuidado com os novos lançamentos.

O preço do Jeep Compass atualmente varia entre R$ 121.990 a R$ 205.990, sendo 7 versões principais.

  • Considerações finais

E você, acha que o Jeep Compass deveria ter medo dos seus concorrentes nos próximos períodos? Qual você escolheria?

Espero que tenha gostado.

Nos vemos em breve.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui