Saiba de tudo sobre Jeep de 7 lugares que está no Brasil

Na categoria SUV de médio porte do UOL Car, o Tiggo 8 venceu em 15 de dezembro. Os concorrentes também incluem o novo Território da Ford e o veterano Jeep de 7 lugares. O comentarista do prêmio, compartilhou as informações sobre a conquista do Tiggo 8. Acho que o principal fator para a vitória do Caoa Chery é que são 7 lugares. Esta configuração de cabine é crítica para o sucesso neste setor. Tiguan verificou essa teoria. Desde o seu lançamento, a Volkswagen tem sido um dos modelos mais populares nesta categoria, com duas versões de sete lugares.

Veja Também

⇒ 
Conheça os 10 carros de polícia mais interessantes do mundo

⇒ Automóveis para pessoas com deficiência (PCD) saiba o que mudou

Detalhes do novo Jeep de 7 lugares

A realidade é que existem sete SUV esportivas de médio porte que não possuem opções de assento. Essa configuração de carroceria é mais relevante para carros grandes, como Volvo XC90, Audi Q7, BMW X7, Mercedes-Benz GLE e Chevrolet Trailblazers fora do mercado de carros de luxo.

Com a popularidade dos SUVs compactos (valor mais baixo que a média), os SUVs sem diferencial de 7 lugares perderam espaço. No final, eles oferecem ainda mais espaço interior, mas a maioria não tem assentos maiores do que Hyundai Creta, Honda HR-V Nissan Kicks e Renault Duster.

Mesmo com as situações mostradas acima, a jepp ainda é a líder. existem muitas razões. O primeiro é a reputação da jepp. aliás, quem quer um SUV da marca jepp e gosta de um porta-malas deve escolher este carro, mesmo que pague mais, porque o porta-malas é a fraqueza do compacto Renegade. aliás, a Compass faz um bom trabalho em vendas diretas e é responsável pela maioria de suas marcas. Apesar de todos esses sucessos, a Jeep ainda não consegue fechar os olhos à demanda por esses sete assentos.

Jeep de 7 lugares

Novo Jeep de 7 lugares (foto Divulgação)

Como a marca já possui todas as armas, esse modelo será o principal lançamento no Brasil nos próximos anos. Este ano, o carro se espalhou muito pelas ruas de São Paulo. A foto desta reportagem foi enviada por Ricardo Teixeira, que ocultou totalmente a maquete na zona sul de São Paulo. A distância dos eixos tem um tamanho bem maior do que a jepp e a frente é muito semelhante a este SUV. Mas, não me interpretem mal: este carro será muito mais do que apenas uma versão do Compass.

A estrutura deste Jeep será a mesma do Fiat Renegade, Compass e Toro. Esta é uma base muito flexível que pode criar modelos de tamanhos diferentes. O modelo deve ser fabricado com os três carros da fábrica da FCA, em Pernambuco. O carro não vai se chamar Compass e também ainda não tem em outros mercados. Como o Toro, este é um carro novo, desenvolvido no Brasil, mas isso não significa que ficará limitado ao mercado interno.

Um degrau acima da jepp é um fato. Isso não significa necessariamente que o espaço interno será mais alto. O novo modelo deve ter uma mala maior e também acomodar os dois encostos da terceira fila.

O grande diferencial desse Jeep de 7 lugares será o motor diesel. Esta opção não se aplica ao Tiguan ou Tiggo 8 com motores flexíveis ou gasolina. O modelo também trará uma versão com tração 4×4, assim como os demais veículos desta plataforma.

O jepp ​​de sete lugares está programado para ser lançado no primeiro semestre de 2021. Portanto, o motor flexível 1.8 (do Toro e Renegade) ou 2.0 (da Compass) não deve ser usado. Na versão mais barata, será desenvolvida pelo Grupo FCA para Fiat e Jeep.

Fonte: UOLCARROS

SOBRE O AUTOR
Yasmin Vitoria
Sou amante de carros e motos desde sempre, hoje compartilho conhecimentos com todos vocês. Adoro escrever sobre diversas coisas, mais hoje faço parte da equipe do site revista de Automóvel. Aqui nosso intuito tentar levar os melhores artigos sobre carro, caminhão e motocicletas.
RELACIONADOS

Deixe seu comentário

© 2022 - Revista De Automóvel