Suzuki GSX-S1000GT – roadster revelada e cheia de novidades

Neste ano, a marca japonesa Suzuki anunciou uma novidade inédita: a Suzuki GSX-S1000GT.

Apesar de ter sido lançada há pouco tempo, a Suzuki GSX-S1000GT está ganhando cada vez mais espaço no mercado de motos, sendo considerada uma das naked que mais fazem sucesso na empresa.

Suzuki GSX-S1000GT

Painel da Suzuki GSX-S1000GT

A nova Suzuki GSX-S 1000 GT não é revolucionária e os palavrões dirão que vindo da Suzuki, é normal. E, no entanto, tudo que você precisa fazer é colocar sua bunda em uma Suzuki recente e dar uma caminhada para ver a eficácia geral das últimas produções da marca.

A Suzuki anunciou grandes e ambiciosos nos últimos 10 anos, como o conceito Recursion e o motor superalimentado, mas esses conceitos não deram em nada.

Por outro lado, o fabricante japonês tem estado mais ativo por três temporadas, oferecendo novidades simples, eficientes, pragmáticas e muitas vezes dinamicamente bem-sucedidas (V-Strom 1050, GSX-S 1000).

Resumindo, este novo Suzuki GSX-S 1000GT não é uma surpresa, é uma forma de continuação lógica.

Veja a seguir todas as principais novidades divulgadas a cerca desse modelo.

Quais são os diferenciais desta moto?

Com uma performance ainda melhor, a Suzuki GSX-S1000GT está atraindo cada dia mais os apaixonados por motocicletas velozes.

Além disso, a empresa atualizou seu motor de quatro cilindros em linha para as normas euro 5, havendo também um body kit completamente diferente.

Como é o conjunto mecânico da Suzuki GSX-S1000GT?

Apesar da empresa ter inovado em seu lançamento no ano de 2021, a Suzuki GSX-S1000GT possui o mesmo conjunto mecânico divulgado no ano de 2017.

A Suzuki retrabalhou o torque a meia velocidade em relação à antiga GSX-S 1000 F, com 1,9% melhor. Mas, em qualquer caso, o GT tem o mesmo motor do novo GSX-S 1000.

Veja Também

⇒ Aprilia RS 660 Specs 2021: ficha técnica, fotos e valor

⇒ https://revistadeautomovel.com.br/tiger-900-bond-edition-tudo-sobre-o-modelo-especial-007/

Assistência de embreagem, Sistema de assistência de embreagem Suzuki Intelligent Ride System (SIRS) que coordena passeio por cabo, controle de tração, modos de condução, câmbio rápido bidirecional, controle de cruzeiro, auxílio de partida e partida fácil, para operação mais suave.

Nova Suzuki GSX-S 1000 GT: uma base técnica conhecida e um design muito mais original

Do lado do design, diremos que é divisivo. Claro, não corremos muito risco ao escrever que certamente será mais bonito na vida real do que nas fotos.

Ela possui enérgica nos olhos, um estilo KTM 3/4 frontal e formas de carenagem que lembram certas produções chinesas.

Enfim, será necessário ver pessoalmente e passar alguns minutos, então, é seguro apostar que nos habituaremos.

Do lado da fabricação, certamente haverá poucas críticas, pois a Suzuki é sólida e controlada.

Enquanto o design parece muito mais avançado do que para o antigo GSX-S 1000 F, o que realmente se resumia a uma carenagem adicionada ao roadster GSX-S 1000.

Aqui, o novo GSX-S 1000 GT recebe caixas opcionais, uma carenagem mais protetora obviamente, um painel moderno e conectado (colorido TFT-LCD, surpreendente nome TFT + LCD), controle de cruzeiro, etc.

Em suma, é obviamente mais um Sport GT do que um GT real, mas tem uma palavra a dizer para o proprietário: a Kawasaki Ninja 1000.

Considerações finais

E você, o que achou da Suzuki GSX-S1000GT?

Nos vemos em breve.

RELACIONADOS

Deixe seu comentário

© 2021 - Revista De Automóvel