Yamaha FZ-X 2022 chega no mercado como nova neo-retrô

Yamaha FZ-X 2022 chega no mercado como nova neo-retrô; A Yamaha India acaba de mostrar a nova FZ-X, que não é coisa nenhuma mais do que a terça linhagem da neo-retrô FZ-Fi.

A nova Yamaha FZ-X se distingue pelagens componentes de classe específicos e atualizados que lhe dão uma nova personalidade , também incrementada pelas cores Matt Copper , Matt Black e Metallic Blue.

Focando nos minúcias, a Yamaha dotou sua limitada neo-retrô com um farol circular de aparência clássica , porém com inteligência moderna do LED com DRL. Também chegam um novo tanque de combustível, sanfonas de borracha no garfo, um novo assento de uma peça, um guidão de grande curvatura, uma nova lanterna traseira de LED e diversas peças em alumínio escovado.

A Yamaha FZ-X agora venha equipada com um novo quadro de instrumentos LCD com um soquete de carregamento USB, que pode ser conectado duto Bluetooth com o app “Y-Connect”, e este é o Singular diferença que distingue as duas variedades acessíveis da FZ-X.

Com o app Y-Connect , o piloto pode averiguar as notificações de seu smartphon , visualizar conselhos de preservação , localizar a posição do parqueamento predecessor , investigar o utilização de combustível , ganhar notificações de ruim andamento e também buscar o “quadro de rotação” que exibe as rotações do motor , quantia de abrimento do acelerador e custo de aceleração , tudo no decorrer de de seu aparelho telefone telefone.

Não há modificações no motor em ligação à linhagem precedente, afora do novo silenciador de escapamento que agora adota um visual de contrato com o novo exemplo. O motor é o afamado monocilíndrico Blue Core de 149 cm³, refrigerado a ar, SOHC de 2 válvulas e alimentado por injeção eletrônica, apto de entregar uma potência máxima de 12,4 cv a 7.250 rpm e um torque de 1,4 kgf.m a 5.500 rpm , associado ao câmbio de 5 velocidades.

Yamaha FZ-X

A nova Yamaha FZ-X

Mantendo a mesma longitude entre eixos de 1.330 mm da linhagem predecessor, a nova FZ-X é mais aberta e mais elevada, com uma nova ergonomia que garante um manuseio descontraído e ágil , graças ao volume de 139 kg completamente abastecida e preparada para rodar.

As rodas de liga sutil de alumínio com 17 polegadas são calçadas com pneumáticos de perfil esportivo no extensão 100/80 na dianteira e 140/60 na traseira. Para os trabalhos de interrupção, a Yamaha FZ-X preserva o garfo dianteiro comum e o monoamortecedor ajustável na pré-carga da mola em sete posicionamentos. O processo de freios retém o disco dianteiro de 282 mm com ABS e o posterior de 220 mm sem o assistência eletrônico.

A nova FZ-X da Yamaha representa a escolha neo-retrô de menor cilindrada do venda, e com a gigante recebimento por esse tipo de motos na grupo das pequenas médias entre 300 e 400 cilindradas, a sinal dos três diapasões aguarde que a elegante FZ-X ache seu coletivo de imediato e force os bastante fabricantes a lançar protótipos parecidos. E você, acha que a onda neo-retrô de limitada cilindrada iria bem no Brasil? Deixem seus observações.

RELACIONADOS

Deixe seu comentário

© 2021 - Revista De Automóvel